PR. CUSTÓDIO NEVES DAMIÃO

 19/08/1949
 29/11/2016

pr custodio neves

Pastor Custódio Damião atuava como pastor auxiliar na Igreja Batista Vida Nova no Londrina (MG).

PR. JOSÉ MOREIRA BONFIM SOBRINHO

 26/09/1950
 21/08/2016

pr jose moreira

Dedicou sua vida como pastor em igrejas de nossa Convenção grande parte do seu ministério na Regional de Rondônia. Foi para o Paraná e pastoreou igrejas da região noroeste do Estado (Umuarama – Moreira Sales). Sempre presente nas reuniões da Ormiban e atividades convencionais. Excelente orador e participativo. Deixa-nos com a lembrança de um servo obediente à voz do Mestre.

ÉLIA TOGNINI

 -/-/1934
 01/10/2016

eneas elia tognini

A Convenção Batista Nacional, com grande pesar, comunica o falecimento no dia de hoje da irmã Élia da Costa Tognini, 82 anos, viúva do Pr. Enéas Tognini. A irmã Élia, como era conhecida, foi recolhida aos braços do Pai depois de haver cumprido sua jornada.

Em sua longa folha de serviço prestado ao Reino de Deus, destacamos seu relevante trabalho frente à UEFBN – União Evangelizadora Feminina Batista Nacional e também como professora no Seminário Teológico Batista Nacional Enéas Tonini.

Que o Espírito do Senhor, console seus familiares e amigos e toda Família Batista Nacional.

Pr. Edmilson Vila Nova
Presidente da Convenção Batista Nacional

Pr. José Rego do Nascimento

24/12/1922
18/01/2016

prjose rego

Mais uma das colunas da Renovação foi chamada aos céus.

Com pesar, lamentamos a partida do Pr. José Rego do Nascimento, servo do Senhor, que foi uma das colunas do Evangelho e da Renovação Espiritual nesta nação.

Neste momento, os céus jubilam pela chegada de um dos príncipes do Senhor.

Fico a imaginar o reencontro do Pr. Rego com Enéas Tognini, Elias Brito, Ageu Bandeira, Rosivaldo de Araújo, Renê Feitosa, Ilton Quadros, Silas Leite, Lucy-Mar Campos, Joel Ferreira e tantos outros, incluindo D. Rosaly Appelby, é claro; numa grande celebração dizendo: valeu à pena obedecer a voz do nosso Deus.

À família Rego e a todos os Batistas Nacionais,  neste momento de luto que estamos tomados por um sentimento de pesar e orfandade, nosso abraço e as mais sinceras condolências em nome da Convenção Batista Nacional.

Pr. Edmilson Vila Nova
Presidente da Convenção Batista Nacional

Em Cristo, hoje e sempre, a serviço do Reino.

Pr. JOEL FERREIRA

08/11/1931
27/11/2015

pr joel ferreiraEntão disse o rei aos seus servos: Não sabeis que hoje caiu em Israel um príncipe e um grande?"  2Sm 3.38.

O ano de 2015 no contexto da CBN teve muitas perdas, pois vários príncipes do Senhor partiram para a eternidade, o que sem dúvida enriqueceu os céus, mas com certeza empobreceu a terra. O Pr. Joel Ferreira, um dos pioneiros da CBN, um homem apaixonado pela obra missionária, que serviu ao Senhor com integridade e singela de coração. Foi o idealizador da nossa Junta Administrativa de Missões – JAMI. Era casado com a irmã Anita e residia nos Estados Unidos.

Maryann Helen Johnson Barbosa

25/11/1928
21/09/2015

mary ann  barbosaA irmã Maryann era membro da Terceira Igreja Batista de Belo Horizonte e viúva do Pastor Achilles Barbosa Júnior. Foi missionária metodista servindo no Instituto Izabela Hendrix e, depois de seu casamento se tornou batista. Logo começou, com seu marido, a lecionar no STEB - Seminário Teológico Evangélico do Brasil - nos anos de 1967 a 1983. Com sua vida cristã sem mácula, marcou a vida de muitos seminaristas que hoje são pastores no Brasil e no exterior. 

Pr. ENÉAS TOGNINI

20/04/1914
09/09/2015

preneas

UM POUCO DA HISTÓRIA DO PR. ENÉAS TOGNINI

A história de vida do nosso querido pastor Enéas Tognini se confunde com a história da propagação do Evangelho no Brasil. Não há como negar, nosso "menino" ultrapassou as fronteiras do tradicionalismo em busca do infinitamente mais que Deus promete àqueles que O buscam de todo coração, de todo entendimento e de toda a alma.

Enéas Tognini nasceu em 20 de abril de 1914, em Avaré, interior de São Paulo. Converteu-se em 1932 aos 18 anos em Campo Grande - Mato Grosso, onde foi criado. Em 1933 se batizou. Formou-se em Teologia pelo Seminário Teológico Batista do Sul do Brasil, no Rio de Janeiro. Pastoreou a Igreja Batista do Barro Preto, em Belo Horizonte, e a Igreja Batista de Perdizes, em São Paulo.  O Pastor Tognini influenciou e formou líderes de diversas denominações da igreja evangélica no Brasil. Filho de imigrantes italianos, teve na experiência pentecostal o marco decisivo de sua longa trajetória na obra de Deus.

Em 1963 criou o Dia Nacional de Jejum pelo Brasil, obtendo muito resultado em convocar o país para orar e na oração reverter a crise que se instalava.

Viajou por mais de 20 anos pelo Brasil, tornando-se um dos pioneiros da propagação da Renovação Espiritual em nossa pátria, pregando às igrejas tradicionais e históricas a contemporaneidade dos dons espirituais. O ministério itinerante foi interrompido em 1981, quando fundou a Igreja Batista do Povo, em São Paulo.

Enéas Tognini lecionou e dirigiu diversas escolas teológicas. Foi um dos fundadores da Convenção Batista Nacional em 1967, e a presidiu no período de 1983 a 1995. Durante toda sua trajetória foi um dos líderes evangélicos mais atuantes do país.

Atualmente era vice-presidente e Pastor emérito da Igreja Batista do Povo e Presidente da Sociedade Bíblica do Brasil. Tognini é também autor de 48 livros, entre eles: Batismo no Espírito Santo, Do Conselho do Senhor, O arrebatamento da Igreja, Na corda de Jesus, São Paulo será destruída, Tirai a pedra e Vidas Poderosas. Escreveu também sua autobiografia e a obra O período interbíblico, que narra a passagem do Antigo para o Novo Testamento, utilizado em muitos seminários teológicos pelo país. Foi condecorado confrade da Academia Evangélica de Letras. O Pr. Enéas Tognini era fundador e diretor presidente do Seminário Teológico Batista Nacional Enéas Tognini, além de ter lecionado sociologia, filosofia e teologia em diversas instituições, como o Colégio Batista Brasil e a Faculdade Batista de Teologia.

Em 2014, ano do seu centenário, foi inaugurado o Memorial Enéas Tognini, para homenagear e perpetuar a história de um dos principais avivalistas e evangelistas do Brasil, Enéas Tognini, pastor, casado com Élia Tgnini, pai de três filhas: Dinéa, Edna e Noemi, avô de 3 netos e 5 bisnetos e principalmente um homem de fé a serviço do Rei Jesus!

Pr. Olival Pereira dos Santos

05/05/1950
15/06/2015

prolival pereira

Igreja Batista Nacional Lírio dos Vales em Jequié-BA

PR. rosivaldo de araújo

07/12/1932
01/04/2015

O Pr. Rosivaldo de Araújo foi um dos pioneiros da obra de Renovação Espiritual no Brasil. Um homem a quem o Senhor Deus muito usou para levar a mensagem do avivamento.
Nasceu em Itabuna-BA, no dia 07 de dezembro de 1932. Convertido a Jesus Cristo quando era adolescente em Lage, na Bahia, e vocacionado para o ministério quando era membro da Igreja Batista Sião, em Salvador. Foi casado com Miriã Amorim Araújo e pai de seis filhos, todos no evangelho.
Sua vida ministerial foi intensa: pastor em diferentes igrejas de norte a sul do país, sendo um dos pioneiros do Movimento de Renovação Espiritual no Nordeste, que surgiu quando pastoreava a 2ª Igreja Batista de Casa Amarela, onde, também, compôs o hino Obra Santa do Espírito, um marco do início da Renovação Espiritual no Brasil. Deus também o usou de maneira significativa para a formação e consolidação da denominação Batista Nacional, onde exerceu funções de Secretário Geral, Presidente e Conferencista Nacional. Criou e dirigiu a Albama (Aliança Batista Missionária da Amazônia), fundou instituições teológicas, como o Seminário Teológico Batista Nacional no Recife – STEBAN e o Centro de Treinamento de Obreiros para a Amazônia – CENTROAM, em Belém/PA, também esteve à frente do STEB – Seminário Teológico Evangélico do Brasil, em Belo Horizonte. Foi fundador e presidente do Ministério Obra Santa. Autor de diversos livros como “Ninguém detém é obra Santa”, “Natal - Celebração Cristã ou Festa Pagã?”, “O Grande Júri do Apocalipse”, “Mais que Caráter” etc.
O ministério e a extensão da obra do Pr. Rosivaldo somente a eternidade poderá revelar.
Aos familiares do Pr. Rosivaldo, à Igreja Batista de Vilas do Atlântico e a toda família Batista Nacional nossos mais profundos sentimentos.

Pr. GIDELSON FERREIRA DA SILVA

16/09/1948
09/09/2014

prgidelson ferreiraIgreja Batista Nacional Nova Canaã - Conceição do Jacuípe/BA

Pr. José Jorge Oliveira Júnior

06/10/1925
24/01/2014

pr jose jorge oliveira junioSua história iniciou-se no interior de Minas Gerais, tendo uma origem bastante humilde, de família numerosa e que aos quatro anos teve dor da perda da mãe e a solidão da orfandade. Acometido de várias enfermidades, meningite, e dificuldades, como a gagueira, que dificultaram sua infância e juventude.
Com a ajuda de um professor particular aprendeu a ler e passou a ter como livro preferido a Bíblia.
A Bíblia não só foi um instrumento de refúgio, como também de conversão na medida em que se deliciava com as narrativas bíblicas e em especial o Salmo 90.
Embora gago, aos 25 anos já trabalhava com a mocidade da igreja local e regiões vizinhas. Mas foi em 1949 na companhia de um obreiro local, seu futuro sogro, que teve início sua vida de pregador do Evangelho, com o qual se identificou intensamente nos anos seguintes, quando se surpreendeu com a superação de sua gagueira e projeção no trabalho itinerante nas igrejas de sua denominação. Viajou por vários lugares a cavalo, ou de bicicleta, sempre levando uma palavra de consolo para as pessoas e comunidades cristãs.
Em 1953 casou-se com Aginira Maria de Oliveira, não apenas uma esposa, mulher, companheira, mas também abnegada obreira que sempre suportou as necessidades com a esperança viva de que o propósito maior seria alcançado, o de glorificar ao Deus Altíssimo.
Com ela teve quatro filhos, todos gerados mediante oração e instrução na Palavra de Deus, o que por certo refletiu no fato de tê-los como companheiros de sua carreira ministerial até os dias de hoje.
Ligou-se a Igreja Batista Nacional nos meados de 1960, quando se iniciava o movimento de renovação espiritual. Em 1970, foi enviado pela 2ª Igreja Batista de Aimorés, para o STEB (Seminário Teológico Evangélico do Brasil). Muitas aflições e necessidades ocorreram neste período, mas o Senhor o fez vencedor em cada uma delas.
Em 1973, iniciou o trabalho no bairro da Lagoa, era uma casa simples, ao lado do local que é hoje está o templo, cedida por um colega seminarista que desejava abrir ali um trabalho local. Deus havia dado a visão a sua esposa Aginira sobre o local. Em 1975 foi organizada a Igreja Batista Nacional da Esperança, tendo como principal característica o empenho, a oração e a intercessão por pessoas que ali frequentavam e também pela melhoria e prosperidade do bairro da Lagoa e adjacentes. Isto resultou em desenvolvimento social, pois se articulou com governos e instituições sociais e foram implementadas várias frentes de trabalho com as comunidades.
Sempre foi um homem denominacional, afirmando categoricamente que a primeira coisa importante é ser de Jesus, e a segunda coisa é ser Batista e de preferência Nacional.
Um dos seus textos prediletos, além de João 17 que por muito tempo orou e ministrou, era o salmo 90. "nossos dias passam como um suspiro. Setenta anos é o tempo de nossa vida. E se alguns, por sua robustez, chega aos oitenta o melhor deles é canseira e enfado. Ensina-nos a contar os nossos dias para que venhamos a ter um coração sábio."
Agradecemos a todos aqueles que o homenagearam visitando-o no hospital e procurando saber notícias regularmente sobre seu estado de saúde e por aqueles que estiveram no seu funeral ocorrido em 25 de Janeiro de 2014.

Jorge Romoaldo de Oliveira
Maria Joana de Oliveira

Pr. Renê Pereira Feitosa

12/08/1921
30/05/2014

prrene feitosaEm Curitiba/PR, no dia 12 de agosto de 1921, filho de Manoel Feitosa e Otávia Feitosa, nascia o Pr. Renê Feitosa. Aos 16 anos de idade, em 7 de agosto de 1937 foi batizado nas águas. Formou-se no Seminário Teológico Betel/RJ em 1951.

Após anos como Oficial do Exército, renunciou à carreira militar, em 1965, para dedicar-se inteiramente à obra de Deus.

Em 1968 foi empossado diretor do STEB e fez um sólido trabalho de reestruturação da instituição.

Foi o segundo presidente da história da CBN, eleito na Assembleia Geral em Recife/PE no ano de 1969, tendo sido eleito outras duas vezes: em 1964 na Assembleia realizada no Rio de Janeiro e em 1977 na Assembleia de Brasília/DF.

Pr. Renê fez história em nossa CBN, nas origens e no início da Renovação Espiritual.

Vai-se o profeta e ficam seus discípulos!

Pr. EDSON DE AZEVEDO JUNIOR

15/03/1963
09/08/2014

pr edson juniorAos 15 dias do mês de Março de 1963, nasceu numa pequena cidade do Paraná, Edson de Azevedo Junior. Varão valoroso de Deus, que fez grande diferença em seus poucos 51 anos de vida. Aos 9 anos de idade se converteu ao evangelho de Cristo numa Igreja Batista Brasileira. Adolescente conheceu o poder de Deus através da oração. Orava e pessoas eram curadas, cresceu sabendo do seu chamado para o ministério, mas somente aos 26 anos, quando conheceu a Igreja Batista Nacional em Jarú, uma cidade de Rondônia, é que ingressou na obra do Senhor. Casou-se com Fátima, teve dois filhos, Daniel e Darda, ambos, seu motivo de satisfação e alegria, além da obra missionária que Deus confiou em suas mãos para fazê-la. Seu coração ardia por missões e formação de obreiros. Desempenhou com louvor seu papel e deixou sua marca, muitas pessoas tiveram suas vidas transformadas através de seus conselhos à luz da palavra de Deus. Nossa esperança é encontrá-lo na glória, e agora só nos resta a saudade, pois não conseguiu vencer a enfermidade nos seus rins. Por 8 anos enfrentou três vezes na semana, sessões de hemodiálises, porém isso nunca o impediu de continuar trabalhando para o Senhor. Esperando que a cura viesse com o transplante renal, o seu coração não aguentou e o Senhor o recolheu. Como ele mesmo costumava falar: Deus me usou para uma grande obra! Agradecemos a todos pelo carinho e amor dedicado a esse homem, separado por Deus para o ministério da Palavra, principalmente, a Igreja Batista em Vila Madureira de Ponta Grossa que o acolheu, mesmo sabendo de suas limitações, o honrou e o amou por quase 2 anos. Muito obrigado!
por: Fátima Camargos, Daniel e Darda.


Em tempos especiais, Deus envia pessoas especiais. Em cada momento da história da Igreja Batista em Vila Madureira, o Senhor Jesus levanta servos de acordo com as necessidades da época. Deus enviou o Pastor Edson de Azevedo Junior para pastorear a nossa Igreja por aproximadamente dois anos.
Temos boas recordações dos últimos dias que estivemos junto com o Pastor Junior que, mesmo sabendo das suas dificuldades de saúde, víamos nele o ânimo de continuar trabalhando na obra de Deus.
Louvamos a Deus pela vida dedicada e pelo legado histórico deixado por ele.
O amor pelas almas perdidas que ele sempre demonstrou através da sua dedicação, jamais será esquecido. Foi um dos grandes homens que se dedicou à obra missionária na história da Convenção Batista Nacional do Paraná, bem como no Estado de Rondônia.
Mas nossos corações se encheram de dor e de um sentimento que certamente é o de todos que o conheceram, pois tínhamos nele uma referência de dedicação e integridade, além do amor que demonstrava a todos.
Com toda certeza, a obra deixada por ele continuará, pois é para a eternidade. Seu testemunho de vida é inspiração para muitos que estão no campo evangelístico ao redor do mundo.
"Portanto, meus amados irmãos, sede firmes e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor". 1ª Co. 15:58
Homenagem dos Membros da Igreja Batista em Vila Madureira

Pr. LUCY-MAR DE ALMEIDA CAMPOS

15/08/1947
11/09/2014

pr lucy-marO Céu ganhou mais um soldado!
"Participa dos meus sofrimentos como um bom soldado de Cristo Jesus. Nenhum soldado em serviço se envolve em negócios desta vida, porque o seu objetivo é satisfazer àquele que o arregimentou." 2Tm 2.3,4

Àquele que foi partícipe do sofrimento de Cristo por meio da obra Batista Nacional, trabalhando incansavelmente para resguardar o seu patrimônio por cerca de dezenove anos e ao digno e honroso pai de família (sua esposa Leni e seus filhos Rejane e Vinícius), que serviu fielmente a Deus até o dia final, nossa singela homenagem!
Optamos em reproduzir o texto que ele mesmo escreveu em 2013, quando viajou para sua cidade natal, Pocrane/MG, o qual a família encontrou em seu arquivo pessoal. 

 

Minha vida ministerial
"O amor é o dom supremo e eu passo a mostrar-lhe ainda um caminho excelente." 1Co 13
"Porém em nada considero a vida preciosa pra mim mesmo, contanto que complete a minha carreira e o ministério que recebi do Senhor Jesus para testemunhar o evangelho da graça de Deus" Atos 20.24

Gratidão à igreja onde cresci, fui batizado e me sustentou por dois anos no STEB. Provavelmente a minha despedida, pois em agosto encerra o meu mandato e pretendo descansar.
Retrospectiva:

Nasci em 15/08/47 em Assaraí/MG e aos 5 anos acompanhei meus pais que mudaram para Pocrane/MG. Aos 12 anos fui batizado no Ribeirão Pocrane e aos 17 saí para estudar em Aimorés e posteriormente para BH. Em 1968 fui para Brasília trabalhar e fugir da chamada ministerial. Em 1969 voltei para BH e iniciei o curso no STEB. Em 1973, me casei com Leni e hoje temos dois filhos e três netos. Em 1978 fui ordenado ao Ministerio para pastorear a Igreja Batista Nacional em Lagoa Santa/MG. De lá para cá, ajudei na criação do Sebemge e trabalhei como Diretor Administrativo; Secretário Executivo da Ormiban; Presidente da Ormiban-MG por dois mandatos; Secretário Executivo da CBN-MG durante anos; Presidente da Ormiban por dois mandatos; Secretário Executivo da CBN de janeiro de 1995 a dezembro de 2013.

Realmente não tenho a minha vida preciosa para mim mesmo. Creio que já cumpri o mandato a mim conferido, mas continuo à disposição dos céus.
II Tm 4.1-8 "combati o bom combate, acabei a carreira e guardei a fé"
De uma coisa tenho certeza: Prossigo para o alvo da soberana vocação. Ele me deu muito mais do que pedi e imaginei.
Ef. 3.20-21 – Ora, Aquele que é poderoso para fazer infinitamente mais do que tudo o quanto pedimos ou pensamos, conforme o seu poder que opera em nós, a Ele seja a glória na igreja em Cristo Jesus por todas as gerações para todo o sempre. Amém!

Pr. Lucy-Mar de Almeida Campos

Pr. LENILSON DOS SANTOS LÊDO

 01/02/1951
17/09/2014

pr lenilson ledo

O Pr. Lenilson Lêdo dedicou sua vida a pastorear diversas igrejas em nossa Convenção. Começou seu ministério em sua cidade natal, Recife/PE. Depois de alguns anos chegou em Brasília, onde pastoreou primeiramente a Igreja Batista Filadélfia em Samambaia e posteriormente a Igreja Batista Getsêmani em Cidade Ocidental/GO. Serviu a CBN-DF por vários anos como secretário executivo. Findou seu ministério em sua terra natal, na Igreja Batista Ágape em Recife/PE.

Pr. isac de lima silva

 15/05/1947
 26/09/2014

pr isac_limaIgreja Batista Monte Hermon em Pontes dos Carvalhos
Cabo - Recife/PE

Pr. paulo crepaldi

06/10/1925
09/10/2014

pr paulo_crepaldiIgreja Batista Moré
Belo Horizonte/MG

Pr. josué guedes garcia

10/01/1954
12/10/2014

pr josue_guedesIgreja Batista Um Novo Tempo
São Gonçalo/RJ

Pr. JOSÉ DANIEL DA SILVA

01/11/1951
15/04/2015

prjosedaniel

O Pr. José Daniel da Silva pastoreou a Igreja Batista Missionária em Goiana/PE por vinte e dois anos. Também serviu a CBN-PE como secretário executivo e a CBN-DF como secretário de atas.

Pr. Josué Alves de Santana

25/07/1924
19/05/2015

pr josue alvesIgreja Batista Getsêmani na Bomba do Hemetério
Recife/PR

Pr. Eliazi Arcanjo do Nascimento

26/05/1958
22/05/2015

pr eliazi.pngIgreja Batista Monte Hermon de Samambaia - DF
Foi presidente da CBN-DF no período de 2000 a 2002.

Pr. JUAQUIM CARVALHO ALVES PEREIRA

30/08/1947
29/06/2015

prjuaquim alvesMissão Batista Para os Povos - Porto Velho/RO

Pr. Eliel R. Landim

11/03/1945
14/02/2014

pr eliel r landimNasceu em 11 de março de 1945, em família presbiteriana tradicional. Em seu batismo infantil, o Reverendo Bicas se confundiu e chamou a criança de Pastor Eliel. Um equívoco do qual se desculpou. Para a irmã Zulmira, sua mãe, não tinha sido um erro. Era um sinal profético e nessa fé ela viveu. Eliel cresceu e se desviou da senda da família. Mas a irmã Zulmira insistentemente orava recordando Deus da palavra "profética". E Deus a ouviu. Eliel tinha 21 anos quando, no dia 9 de janeiro de 1966, se converteu e foi batizado pelo Pastor Antenor Lourenço, no início de seu Ministério na Igreja Evangélica Batista de Ibitinga. Logo em seguida a Igreja o nomeou como "Evangelista". Sob liderança do referido pastor ele se envolveu em todas as áreas de atuação da Igreja.

Em 1975 ele foi enviado como Dirigente de uma das Congregações, hoje Igreja Batista de Iacanga. Foi lá que se casou com Iraci Landim com quem teve 3 filhos (Adriel, Abqueila e Abdias). Foi a pedido da própria Congregação que ele foi ordenado ao Ministério Batista Nacional no dia 30 de janeiro de 1982. De volta a Ibitinga Eliel serviu ao Senhor como Auxiliar em todas as frentes missionárias da Igreja e como Pastor da Congregação de Vila Maria, aqui mesmo em Ibitinga. Em 3 de agosto de 1988 ele foi enviado a São Carlos como Pastor da Igreja Batista Peniel. Seu ministério ali foi frutífero.

Todavia, nem tudo saiu como desejava. Eliel retornou a Ibitinga e ligou-se à Assembleia de Deus – Campo Madureira. Nessa Igreja ele passou algum tempo como Pastor Auxiliar na preparação de obreiros. A direção de Deus foi bem clara e Eliel acabou por retornar à casa paterna, sendo recebido oficialmente no dia 3 de agosto de 2003. Ao retornar, foi reconduzido pelo pastor Antenor à liderança da mesma Congregação (Vila Maria) e o nomeou responsável pela Capelania Hospitalar e Assistência aos Enfermos. Nessas funções ele estava quando a enfermidade bateu à porta. Apesar disso, mesmo debilitado pela quimioterapia, ele resistiu e manteve seus compromissos em dia. Nos últimos dias, sofrendo fortes dores, sabendo que seu tempo se encurtava, respondeu a um familiar que insistia em levá-lo de volta ao Hospital do Câncer: "Eu quero ir para o céu e não para Jau". No dia 12 de fevereiro de 2014, Deus o chamou e ele partiu para a eternidade. Viveu uma vida simples, de homem simples, mas intensa no alvo que lhe foi proposto. Ganhou almas, treinou vidas e até pastores se encontram entre seus frutos. Pela vida do Pastor Eliel e por tudo o que ele representou para nossa Igreja, graças damos a Deus.

Pr. Braz Gomes da Rocha

24/04/1940
08/02/2014

pr braz gomes rochaDepois de aproximadamente, longos 12 anos convivendo com o mal de Parkinson, nos últimos 5 anos se tornou um paciente acamado com HOME CARE montado em sua casa, faleceu no último dia 08 de fevereiro de 2014(Sábado) no Hospital Memorial São José no Recife-PE, o Rev. BRAZ GOMES DA ROCHA.

Pastor fundador da IGREJA BATISTA CENTRAL DO JORDÃO que a presidiu e a pastoreou por quase 30 anos se afastando por questões de enfermidade. Uma Igreja numa das mais difíceis aéreas da periferia do Recife. Hoje a maior Igreja do bairro com um rebanho de aproximadamente 1.000(hum mil) pessoas entre membros e congregados, com uma Equipe Ministerial capacitada para grandes desafios num dos bairros mais populosos e carentes do Recife. A Igreja tem três congregações: Vila Sotave, Jaboatão dos Guararapes-PE, Lagoa dos Gatos-PE, e Salgado dos Benícios, Glória-BA. Assumiu o Ministério da Igreja o seu filho; Pr. Dário Melo da Rocha (Mat. 2051 ORMIBAN-PE).

Em agosto de 1978 dois nomes foram sugeridos para assumir o pastorado da Igreja: O Sem. Josafá Barbalho e o Diác. Braz Gomes da Rocha. Todos os 46 membros presentes na reunião votaram a favor do Diác. Braz G. Rocha que só estava iniciando os estudos no Seminário (STEN). Na reunião extraordinária do dia 22 de agosto de 1978 foi escolhido o Diác. Braz Rocha para a função de Pastor da Igreja. Nesta reunião, todos os líderes usaram da palavra para congratular-se com a Igreja pela feliz escolha, onde todos ficaram satisfeitos confirmando assim a vontade de DEUS. Em 11 de dezembro de 1978 aconteceu simultaneamente a consagração do Diác. Braz Gomes da Rocha ao Ministério Pastoral assumindo a Igreja Batista Central do Jordão e também a consagração do novo templo, onde oficialmente não mais se utilizaria do barraco de madeira. Homem simples, que juntamente com sua esposa Raquel Melo da Rocha (In-memorian), materializaram um sonho de DEUS na comunidade onde a Igreja está inserida transformando a vida de muitos que por ali passaram.